75% das micro e pequenas empresas esperam que a Black Friday salve faturamento de 2020, diz pesquisa

75% das micro e pequenas empresas esperam que a Black Friday salve faturamento de 2020, diz pesquisa

24 de Novembro de 2020

Tempo de leitura: 3min 10seg

A Black Friday de 2020 já é a edição mais aguardada de todos os tempos, 75% dos micro e pequenos empresários esperam que a data seja a salvação do faturamento no ano. A pesquisa foi feita com a base de clientes da Stone e da vhsys em todo o país, e mais de 1.500 empresas responderam.

De acordo com as entrevistas, 65% das empresas pretendem atrair novos clientes, enquanto 31% dos negócios apostam em aumentar as vendas para clientes antigos.

Sobre os descontos a pesquisa revela que as micros e pequenas empresas irão variar no percentual:

  • 20% (citado por 46% dos entrevistados);
  • Até 40% (citado por 29%);
  • Acima de 60% ( citado por 2%).

Black Friday na pandemia

Reginaldo Stocco, CEO da vhsys, analisa como será a edição de 2020. “Black Friday é a data mais esperada para o comércio no ano, junto com Natal e Dia das Mães, mas nesse ano o cenário é diferente. Em meio a uma pandemia e uma crise econômica sem precedentes, os micro e pequenos negócios esperam o evento não apenas para vender mais, mas para recuperar a perda de meses com vendas baixas. Talvez esse seja o motivo de a maioria das micro e pequenas empresas não apostar em descontos mais altos, pois precisam de segurança para terminar o ano de forma mais controlada”, explica ele.

Leia também: FACEBOOK LANÇA NOVOS RECURSOS PARA AJUDAR OS PEQUENOS NEGÓCIOS COM AS VENDAS DE FINAL DE ANO

Em relação às possíveis complicações que os micro e pequenos negócios poderão enfrentar este ano, os efeitos da Covid-19 lideram as respostas (63%). Outro dado expõe os problemas de planejamento desse segmento: 35% das micro e pequenas empresas temem que a falta de estoque possa atrapalhar as vendas, seguido de dificuldade de atendimento devido ao aumento da demanda (10%).

Porém, alguns empresários estão preparados, 31% das empresas afirmam estar com o estoque adequado, especialmente porque vão aproveitar os produtos que ficaram sem giro nos meses anteriores. Já 24% afirmam ter antecipado as compras e estão com o estoque bem dimensionado.

E-commerce na Black Friday

Sobre o E-commerce a pesquisa aponta dados importantes, como:

  • Mais da metade das empresas farão suas vendas online e também nas lojas físicas (55%);

  • 30% dos lojistas acreditam que a presença online das empresas em lojas virtuais ajudará no resultado positivo da Black Friday;

  • 28% que veem como positivo o aumento da confiança do brasileiro no comércio eletrônico;

  • 43% acredita que a economia já está reaquecendo.

Leia também: WD SHOP COMPLETA 5 MESES COM 100 LOJAS VIRTUAIS

 

Fonte: E-commerce Brasil

Escrito por: Nicolas Castro / WD House