Veja os produtos mais buscados na Black Friday 2020

Veja os produtos mais buscados na Black Friday 2020

19 de Outubro de 2020

Tempo de leitura: 2min 30seg

As imagem de lojas cheias e grandes filas que vemos todos anos na black friday não deve se repetir na edição deste ano. Isso porque o Ebit apontou que o e-commerce ganhou 7,3 milhões de novos consumidores entre janeiro e julho deste ano. Isso representa um crescimento de 38% em comparação ao mesmo período de 2019.

E esses novos e-shoopers (consumidores virtuais) já estão se preparando para as liquidações de novembro que lojas virtuais e marketplaces ainda vão lançar. Nesse sentido, se a edição passada faturou R$ 3,2 bilhões, a Black Friday 2020 deve superar esse valor.

Produtos eletrônicos devem ser os mais procurados na Black Friday 2020

Segundo pesquisa do Méliuz, as mercadorias mais vendidas nas temporadas passadas da Black Friday têm sido:

  • TVs e Smart TVs;
  • Notebooks;
  • Tablets;
  • Roupas e calçados;
  • Smartphones;
  • PS4 e PS5;
  • Xbox One.

Apesar de o desconto oferecido na linha de eletrônicos ser menor que em outros produtos, como roupas e móveis, os clientes ainda aproveitam a data para economizar.

Leia também: GOOGLE LANÇA NOVA VERSÃO DO GOOGLE ANALYTICS

10 produtos mais buscados pelos consumidores

Segundo o Méliuz os 10 produtos mais buscados pelos consumidores são:

  • Celulares e smartphones;
  • iPhone;
  • Notebook;
  • Roupas e calçados;
  • TVs e Smart TVs;
  • PS4;
  • Xbox One;
  • Passagens aéreas;
  • Geladeira e eletrodomésticos;
  • Viagens.

10 categorias que devem ser mais buscadas na Black Friday 2020

Confira a pesquisa da TracyLocke Brasil e Behup sobre os 10 segmentos mais procurados para a edição deste ano:

  • Roupas, sapatos e acessórios (44%);
  • Eletrodomésticos (41%);
  • Informática e eletrônicos (40%);
  • Smartphones e telefones celulares (39%);
  • Utilidades domésticas e itens para casa (35%);
  • Presente de Natal (26%);
  • Móveis (24%);
  • Perfumes e cosméticos (24%);
  • Itens de decoração (18%);
  • Viagem (18%).

O percentual não fecha em 100% porque os entrevistados declararam mais de um produto nas intenções de compra durante a pesquisa. Mas é praticamente certo que a maioria dessas compras passa por buscas no Google. Isso porque quando o consumidor deseja comprar um smartphone ou um televisor ele logo digita o item nos mecanismos de busca da internet para buscar os melhor preços e modelos.

BUSCAS POR BLACK FRIDAY NA INTERNET JÁ SUPERAM 2019

 

Fonte: Estado de Minas

Escrito por: Nicolas Castro / WD House